Falam-se línguas (translate)

terça-feira, 7 de outubro de 2014

Vamos lá ver como está a vossa criatividade

Se não vos apetecesse nada, mas mesmo nada, ir a um evento social e não quisessem melindrar o anfitrião (a quem vocês até disseram que não têm nada agendado para aquele dia e hora) com um "não me apetece", o que é que lhe diziam?
Tenho um prémio para a resposta mais original, diplomata e simultaneamente credível.

42 comentários:

  1. "Epa, desculpa lá, mas pisei um cagalhão, não limpei bem, sujei o tapete do carro, tive de ir com a cabeça do lado de fora, vê lá bem, ainda pa mais, com o que chove, tenho de ir pa casa tratar disto e já estou com vómitos só de pensar em espetar os palitos na sola para soltar a bosta e... atxim! Porra, constipei-me. Não vai dar mesmo."

    :D

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Isso não é credível. Não uso a palavra C*. :))


      Entretanto fica a dica. Se quiserem muito que uma pessoa vá a um "evento" vosso, antes de fazerem o convite propriamenmte dito perguntem "o que é que fazes dia tal às tantas horas?". Se a pessoa disser "nada", então ataquem e façam o convite, vai ser muito difícil recusar. Se, por outro lado, forem os inquiridos, perguntem sempre porquê antes de dizerem se têm alguma coisa agendada ou não.

      Eliminar
    2. Ahahaha!!! Foi apanhada querida Mirone! Devia saber mais!!! Quando se pergunta isso é pq vão "cravar" algo. tirando pessoas com quem n me importo de estar e realmente gosto mto, digo sempre "acho que tenho algo nessa semana, tenho de confirmar o dia, porquê?"

      Eliminar
    3. Foi claramente uma daquelas situações clássicas de "a resposta certa ocorre-nos sempre dois nano-segundos depois de darmos a resposta errada".

      Eliminar
  2. Ora... quem tem filhos tem sempre desculpas...
    (ainda por cima anda aí uma virose..)

    ResponderEliminar
  3. Mironinho... está doente! E como ela está doente você também... Gastroenterite viral, perigosissíma minha cara!

    ResponderEliminar
  4. Ora tudo depende do dia e hora do evento. Se bem que as viroses dos putos são belas desculpas eu detesto mentir sobre a saúde do puto por isso evita essa. Se for á noite podes sempre dizer que não andas muito bem, estás super cansada e precisas mesmo, mesmo de hibernar e pôr os sonos em dia sob pena de enlouqueceres e teres que ser internada numa instituição psiquiátrica. Podes no próprio dia da coisa mandar mensagem que estás com uma enxaqueca daqui até á lua e nem os olhinhos consegues abrir (de notar que ambos os casos pressupõem que não vás laurear a pevide sob risco de seres apanhada). Claro que indicando sempre que adoravas estar presente mas que infelizmente não consegues mesmo

    ResponderEliminar
  5. A desculpa da Mironinho não queria mesmo usar... (até porque já me falharam em cima da hora ao abrigo de uma doença súbita de um filho e eu fiquei sempre com um amargo de boca, com a pulga atrás da orelha). O ideal era encher-me de coragem e dizer que é muito cansativo é mais de uma hora para cada lado e que não confio no "motorista" (um Mr Magoo de primeira). O mais certo é ter pena e fazer o frete...

    ResponderEliminar
  6. Não vais acreditar no que me aconteceu. Não, é que há coisas do Diabo, caraças, Acabei de chegar a casa e tenho t-u-d-o inundado!! Móveis, tudo, tudo encharcado, há água até ao patamar das escadas do prédio. Esta manhã saí e deixei a máquina da roupa a lavar e acho que a mangueira se rompeu, ou lá o que é. Chamei um canalizador mas só podem vir daqui a umas duas horas. Olha, nem sei. Tenho tudo estragado. Tapetes, coisas de decoração, sei lá, tudo o que estava no chão.

    Serve ou é muito dramático? Uma reunião de trabalho agendada em cima da hora?

    :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito dramático, mas maravilhoso. Assim de repente parecia mesmo que tinhas tido uma inundação.

      (estás bem posicionada para receber o prémio)

      Eliminar
    2. :D
      Entre algumas desculpas que dei e outras que recebi (mais fantásticas que as de autoria própria, diga-se), já podia publicar um grande almanaque.

      Eliminar
  7. Muito fácil, basta dizer: Olha vê lá tu o que me aconteceu (começa logo por se credível), em vez do tu nem sabes o que me aconteceu, continuando, estava aqui a prepara-me para ir ter convosco (parte diplomata) e subitamente ouvi um barulho, além de ficar às escuras ainda tive de ir a apalpar paredes até chegar ao quadro da luz, ao que parece foi um dos fusíveis, a sorte é que tenho um amigo que percebe destas coisas e diz que vem cá dar um jeito, não é por nada mas tenho o frigorífico cheio de coisas, o alarme desligado para além de estar assustada com a casa sem energia. Ele trabalha por turnos e só pode vir cá mais logo, entretanto parece que tenho de tirar o meu lindo vestido e a maquilhagem à luz das velas, que comprei para a ocasião lindo queria tanto ir, mas nestas condições não posso deixar a casa até já estou a pensar em ir buscar gelo para conservar os congelados na banca da cozinha ou coisa que o valha (originalidade a todos os níveis). Quando queremos muito uma coisa por vezes acontecem estes imprevistos. Agora os miúdos estão encantados com uma noite do pijama á luz das velas para eles é o máximo. Espero que se divirtam por mim, a sério!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Arrumadinha, que inventiva! Estou a ver que também concorre ao prémio.

      Eliminar
    2. Ainda bem que pude ajudar, mas também pode dizer a verdade, como quiser, de qualquer maneira acho que vai tomar a decisão certa e mais adequada!

      Eliminar
  8. Podes sempre dizer que tens um primo que é médico e que acabou de chegar da Guiné Conacri,e que ficaste muito deprimida por o ver tão abatido e que desde que o deixaste que te sentes meio indisposta, com febre e arrepios de frio... e que o intestino anda solto... mas que fazes tanta questão de estar presente no evento que vais fazer um esforço.
    Aposto que te dispensam num instante!! ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Epah, nem brinques! Mr Mirone volta e meia viaja até às Áfricas! :DDDD

      Eliminar
    2. Ahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahshahahahahahahahahahahahshahahshahah

      Estou aqui a rebolar a rir.

      Eliminar
    3. Da próxima vez que ele viajar faço um jantar para blogo-amigas e convido-vos, sim. Vai ser tão divertido!

      Eliminar
  9. Primeiro faça uma transgressão de trânsito, mesmo daquelas valentes. Depois fuja à polícia e enquanto abre vire umas cervejas. Seguidamente quando for apanhada insulte os agentes e recuse-se a fazer o teste do balão. Ofereça resistência à prisão e em vez de umas horas passa la a noite, e pronto. Sem mentir resolve o seu problema.
    Corvo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E o Corvo depois faz de meu motorista pelo período em que ficar inibida de conduzir?
      :D

      Eliminar
    2. Epá, esta é para lá de espectacular, Por mim, ganhava já. Ahahahaha

      Eliminar
    3. Queres vir ajudar nas folgas do Corvo, Paula?

      Eliminar
    4. Pois; é capaz de ser um pouco radical de mais, é!
      Olhe! Faça tudo na mesma mas sem beber. Com sorte fica de cana na mesma essa noite e não lhe tiram a carta.
      Então, ganhei?

      Eliminar
    5. Sim, ganhou! Quer saber qual é o prémio, quer?


      Cedo-lhe o meu lugar no tal evento! Catita, hein?

      Eliminar
    6. Declaro-me absolutamente inocente e coagido pela veemência aflitiva da requerente.

      Eliminar
    7. Oh meu Deus! Inocente, acredito. Agora, coagido?
      Olhe que é um convite irrecusável, eu própria não tive coragem de o recusar prontamente, veja só, e agora estou aqui neste dilema :DDD

      Eliminar
  10. - Tou?
    - Sim Mirone, então está a chegar?
    - Olha, não. Não estou. E ligo-te precisamente para te dizer que não vou. Desculpa avisar em cima da hora.
    - Então? O que se passa?
    - Tou sem cabeça. Ficas muito triste se não for? Gostava muito de ir, mas vê, estou mesmo sem cabeça. Ando numa vida louca e na altura achva que até me fazia bem. Não me leves a mal. Não posso ser mais sincera. Amanhã levanto-me às 6.30h. Tou sem forças.

    Era o que eu faria.
    Beijozzzzz

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O problema é que era suposto ir com A e B no carro de A. Mas B insiste desde ontem em ir no seu carro. (B é um autêntico Mr Magoo, conduz a 20 km/h em auto-estrada, colado ao volante e quer partir com 4 hporas de avanço - num caminho que se faz no máximo numa hora e meia).
      Mr Mirone sugeriu que diga que tenho outras voltas a dar e que vá sozinha no mae carro. Parece-me que é o que vai acontecer.

      Eliminar
  11. Digamos que, se for um homem, um simples "opá, problemas de mulheres" basta. Ele não vai perguntar e pumba, fica o assunto arrumado. Se for mulher, hum, aí já se torna mais complicado.

    ResponderEliminar
  12. Morta de cansada? Talvez uma dor de cabeça...? Amanhã tens um dia super importante e precisas estar fresca? Diarreia? Infecção urinária?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Vou, mas no meu carro (disse que tinha outras voltas para dar).

      Eliminar
  13. Podes dizer o que costumo dizer frequentemente. "Desculpa, a sério, mas estou mesmo mesmo cansada e só me apetece ir para casa". Resulta sempre. :)

    ResponderEliminar
  14. MariaVaisComAsOstras7 de outubro de 2014 às 22:39

    Eu diria: Lamento imenso até porque lhe disse que iria, mas não consigo dizer que não à minha avó que há um ano não vejo e veja lá a coincidência! enviou-me um email a dizer que está a chegar na manhã do seu evento, uma surpresa de repente e sou incapaz de faltar ao jantar que ela anseia com a família toda.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. São pessoas próximas (daí ter-me sentido encurralada e não conseguir dizer não), que sabem que já não tenho avós.

      Eliminar
  15. MariaVaisComAsOstras7 de outubro de 2014 às 22:42

    OU então que o seu filho tem uma atividade q marcaram de repente. Depende mt de quem a rodeia e poderá 'apanhar' a mentirA :)

    ResponderEliminar
  16. Com pessoas tão inventivas posso perguntar-vos como resolveriam seguinte situação:

    2 casamentos: 31 de julho e 1 de agosto

    Recebido o convite para o dia 1 de agosto foi dada resposta afirmativa
    Recebido o convite para dia 31 julho e entramos no dilema...

    Não temos dinheiro para comprar roupa para 2 dias seguidos - 2 adultos, 1 criança - (é impensável sair de um casamento e meter-nos noutro com a mesma roupa - nojo!)
    Não temos dinheiro para esbanjar em prendas e abdicar das férias é impensável
    Preferimos ir ao 2º que ao 1º (somos mais próximos dessas pessoas) mas não queremos ser mal educados.

    É melhor começar a poupar para os casórios ou há desculpa possivel?

    (desculpe Mirone aproveitar-me assim do seu blog)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Com os outros parece sempre tudo mais fácil.
      Correndo o risco de ouvir da outra parte "ora essa, nós queremos é a vossa presença, não se preocupem com presentes ou fatiotas", eu acho que lhes dizia a verdade, que somos mais próximos do outro casal e só podemos ir a um dos casamentos.

      Eliminar
  17. "Estou? Olha, é só para dizer que estou um bocadinho atrasada, mas não falto! A viagem ao Senegal foi o mááááximo, tenho de vos mostrar as fotos. Sim, chegámos anteontem! Hoje até estou assim um bocadinho chumbada, acho que estou a chocar uma gripe, mas nem pensar em faltar? Como? Não, nada grave, ups. espera só um bocadinho enquanto procuro um lenço... Não, não, comecei a sangrar do nariz, apre, desde miúda que não me acontecia uma destas... Hã? achas melhor eu ficar em casa? Não! Estou a sentir-me bem, já tomei um paracetamol... Como? Pronto, não te preocupes, então eu fico a curar isto, pronto, combinado, quando estiver melhor combinamos qualquer coisa, obrigada pelas melhoras...."

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mr Mirone esteve no Senegal no mês passado. O período de incubação é de cerca de 20 dias. Até tinha pernas para andar. :D

      Eliminar
  18. Diga que caiu. Estava a subir as escadas e o salto do sapato ficou preso e foi de joelhos ao chão. Está toda dorida e negra (para comprovar a veracidade dos factos, besuntar os joelhos com graxa, tirar uma foto e enviar).

    ResponderEliminar