Falam-se línguas (translate)

quarta-feira, 22 de abril de 2015

Começo a ficar preocupada

A sério que não deu pingolim a mais ninguém? Estou farta de ver lulas, chocos, estomacoisos e mamutes. Até coral, já vi mais que uma vez.
Pior, fui saber mais sobre mim e descobri que no Brasil as crianças chamam pingolim ao seu "pingolim".




Se quiserem saber de mim vou estar ali num cantinho, enrolada (por coincidência, ou não, é a posição de defesa do pingolim) na posição fetal e a chorar baixinho.




Adenda (só dei conta já depois de publicar): Ai "ca" burra! Googlei mal, o animal é pangolim. Afinal não estou a na posição fetal a chorar, estou a rir da minha idiotice. ainda assim, pangolins, se estiverem a ler-me, uma manifestação de solidariedade será sempre bem vinda.


30 comentários:

  1. Eu posso fazer novamente e dar as respostas mais estapafúrdias a ver o que me sai novamente....péra...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Estapafúrdias?!
      Fica sabendo que respondi com muita sinceridade (e para as perguntas em que estive na dúvida respondi novamente ao questionário e deu choco).

      Eliminar
    2. Pois eu tb fui muito sincera da primeira vez. Das duas vezes seguintes é que aldrabei as combinações todas. E ainda vou fazer uma 4ª vez...isto é giro :)

      Eliminar
    3. 3ª vez: abelha
      4ª vez: dragão de komodo

      :)

      Eliminar
    4. Ca nojo, dragão de komodo, ainda outro dia falei nesse bicho medonho. Tem uma baba tão cheia de bactérias peçonhentas que se te morder tens muita sorte se não morreres e se, por milagre, sobreviveres não te safas de uma amputação.

      Eliminar
    5. Mas consigo comer uma cabra inteira e o pingolim não. Toma! :P

      Eliminar
  2. É um ratel!

    Os seus verdadeiros amigos sabem que podem sempre chamá-lo para afugentar os leões ou lutar com uma cobra-real.

    Pronto....tás melhor? O ratél é giro :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não, estou cada vez pior, sinto-me sozinha na minha condição de pangolim ( mas é o primeiro ratel que encontro).

      Eliminar
  3. Pipocante Irrelevante Delirante22 de abril de 2015 às 21:06

    Pingolim grande ou pequeno? O tamanho do pingolim interessa?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Há pangolins gigantes ( e têm a língua maior que o próprio corpo).

      Eliminar
  4. Mirone, tentei várias vezes e saiu tudo e mais alguma coisa menos pangolim.
    Deve ser uma combinação muito especial e isso é bom!

    ResponderEliminar
  5. Respostas
    1. Entretanto já encontrei uma alma gémea. a Be. :D

      Eliminar
  6. Querida Mirone,
    Qual é o problema do bicho? O google até diz que é um mamífero e não um réptil, já viu bem? Além disso ensinou um novo nome a quem, como eu, não conhecia o pangolim. E poderemos usá-lo, no futuro, sempre que der jeito. Uma espécie de chamar mentecapto a um colega e dizer que significa que ele tem uma mente que capta tudo, por ser tão inteligente. Já me vejo a descrever a beleza de uma qualquer companhia, dizendo-lhe que me faz lembrar uma pangolim... acho que vou dizer pangolina. Na volta ainda pensa que é uma diva dos meus gostos e fica ufana...
    Boa noite,
    Outro Ente.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Com certeza (tenho visto animais mais "desagradáveis"), mas caramba, começo a sentir-me sozinha nesta condição.

      Eliminar
    2. A propósito desse tipo de comparações elogiosas.
      Há alguns anos, aqui no meu serviço, tive um colega que no meu primeiro dia de estágio me disse algo como:
      Sabe o que me faz lembrar quando oiço o seu nome, uma anémona a Marábilis (ele faz mergulho nos seus tempos livres). Mais tarde, acrescentou " não sei se conhece, se alguma vez viu, mas, parece uma maminha. Assim mesmo: M-A-M-I-N-H-A!
      Quis partilhar que tem sorte, por ser um pangolim.

      Deu-me lula. Desculpe!

      A.

      Eliminar
    3. :)
      Se a maminha for "perfeitinha", não me importo de parecer uma maminha.

      Eliminar
  7. Eu sou esse também. Gostei especialmente da parte de viver em zonas tropicais, se calhar tenho de emigrar!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ufa, que alívio. Começava a sentir-me uma ave rara. É que uma pessoa gosta muito de pensar que é única, diferente da massa formatada com que se cruza, mas tanta diferença faz-nos questionar se realmente o carácter único é uma qualidade ou um defeito.

      Eliminar
  8. sou eu!!! ontem tentei escrever mas o seu "prove que não é um robot" tira-me do sério :S... somos pessoas terra a terra e praticas :D

    claudia

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu dispensei essas formalidades todas nas definições, mas o senhor Blogger, que é quem manda nisto tudo, lá entendeu que quem não tem conta precisa de provar quem é (mal comparado, lembra-me a enfermeira do hospital de S. João)

      Eliminar
  9. Dona Mirone. Eu fiz o quiz a pensar: Ora bem, deve gostar é de estar no seu canto, lá com as suas prosas e o seus valores. Vamos lá ver:

    Ficar sozinho na toca
    Nada de especial quando o amigo tem a mesma roupa
    Lanchinho de insetos, FRUTA!
    Mr. Mirone, um gentleman
    Sem ofertas de valor no leque dos passatempos

    Pangolina!

    A.

    ResponderEliminar
  10. Eu... a mim deu-me pingolim.Vê a coisa pelo lado positivo, diz que somos pessoas práticas

    ResponderEliminar
  11. Não está sózinha eu tb sou! Não conheço o animal, mas diz que é prático, por isso é mm cm eu.

    ResponderEliminar