Falam-se línguas (translate)

domingo, 28 de dezembro de 2014

E os brincos e colar da Judite de Sousa,

Hein?

44 comentários:

  1. É alguém que está a passar um mau bocado.

    Valerá a pena, Mirone?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mirone, já que pergunta, valerá a pena implicar nas redes sociais com os adereços de alguém que está a passar um mau bocado? A mim parece-me de extremo mau gosto, mas , admito, isso a Mirone não me perguntou.

      Eliminar
    2. E quem lhe disse que ia implicar? Não lhe ocorreu que fosse elogiar o trabalho minucioso do ourives que os criou?

      Eliminar
    3. Foi o Lamborghini cor-de-laranja que o melindrou?

      Eliminar
    4. Não tão mau como a assumpção do Pipoco. Podendo, releia o post. É pequeno, não lhe tomará muito tempo.

      Eliminar
    5. Se é como diz e assumi erradamente o espírito do post, aceite as minhas desculpas.

      Eliminar
    6. Bem, não queria meter-me, mas deu-me comichão nas mãozinhas e cá vai:
      Sim, a Senhora está a passar o mau bocado (assim como muitas outras mães que perderam os filhos), e só por isso não se pode comentar nada sobre a senhora? Não tem nada a ver com o sofrimento da pessoa, tem a ver com o mau gosto.
      Não vi os brincos nem o colar, mas vi no sábado a senhora maquilhada como uma drag queen, um horror.

      Eliminar
    7. Mas olhe que devia ver. Eu fiquei "hipnotizada".

      Eliminar
    8. Também fiquei hipnotizada, palavra de honra! E não foi só com o colar e brincos. Aflige-me, um pouco, ela ensinar futuros jornalistas.

      Eliminar
  2. Estou a tentar fazer um post sobre o "assunto"... se calhar não vai sair, mas olha.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Liguei a tv no telejornal da Tvi de propósito para ver o que diria MRS sobre as novas declarações de Ricciardi e olha.

      Eliminar
  3. Eu vinha aqui comentar mas mudei de ideias, melhor estar caladinha, vou antes fazer um post sobre aquilo de o karma ser uma enorme meretriz, diz que há quem publicite desodorizantes para os pés, acho que sobre isso ninguém se amofina.
    (já é um começo...)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Publicidade a desoorizante para pés? Alguém tem de o fazer... É só uma questão de inventar uma crise fedorenta de hiper-hidrose plantar que se resolveu miraculosamente...

      Eliminar
  4. Pois eu achei bem feios.
    Mas é melhor não dizer mais nada.

    ResponderEliminar
  5. Achaste minucioso, mirone? Por acaso não me pareceu por aí além. (Desde que me apaixonei pelos corações de Viana redefini o conceito de minucioso em joalharia.) A mim pareceu-me só ostensivo demais.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Achei, tu viste bem aquele trabalhado das argolas? Olha que não deve ficar muito atrás da filigrana a nível de mão-d'obra.
      Quantas horas é que levará fazer um colar daqueles?

      Eliminar
    2. Tenho de ver melhor então... Costumo deixar os óculos escuros no carro e por isso ontem em casa não consegui apreciar devidamente... :DD

      Eliminar
    3. A sério, já nem prestei atenção ao comentário do prof. Marcelo Rebelo de Sousa, só pensava no trabalho do ourives, ali a queimar pestanas para fazer o colar e os brincos.

      Eliminar
    4. De qualquer das formas, esteticamente fica demasiado... Hum... Tudo!

      Eliminar
    5. Vocês haveriam de arranjar outra conversa, afinal de contas já sabem que isso é um não assunto.
      (além de que aquilo não é ouro, os brincos abanavam em demasia, demasiado leves para serem ouro, pareceu-me à distância)

      Eliminar
    6. (e ela poderia ter uma festa cigana, depois da conversa com o professor...)

      Eliminar
    7. (além de que os sapatos eram tremendamente bonitos...)

      Eliminar
    8. (será que se pode dizer que os sapatos eram bonitos?)

      Eliminar
    9. A filigrana não é muito pesada, abana bastante, Picante. (Eram muito bonitos sim, um clássico)

      Eliminar
  6. Eu vi e achei medonhos, fosga-se, se eu andava com aquelas merdas penduradas ao pescoço, credo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Já comeste as rabanadas todas? Já tinha saudades tuas.

      Eliminar
    2. Já tinha saudades do teu bom feitio Pipex...

      Eliminar
    3. mau feitio, onde?
      Aquilo cabe na cabeça de quem? Nem sequer se conseguia prestar atenção às notícias, muito pior do que o cabelo da criatura.

      Eliminar
    4. Aquilo não precisa de caber na cabeça... Têm assim tipo um fecho da parte de trás... Tázaver?

      Eliminar
    5. Mas eu acho que cabia, era suficientemente comprido para caber na cabeça sem precisar de fecho.

      Eliminar
    6. Ahahahahahahahah "mau feitio, onde?", disse ela... Ahahahahahahahah

      Eliminar
    7. Não.
      Diz que é a palavra do ano.

      Eliminar
  7. Como ando sempre atrasada na leitura do blog, não sei de que colar se falava aqui, mas atrevo-me a dizer que este post poderia ter sido escrito ontem.
    Fui!

    ResponderEliminar