Falam-se línguas (translate)

segunda-feira, 24 de novembro de 2014

Always look at the bright side of life

Almoço familiar em que se alinhavava a agenda festiva, se a consoada com os pais e o almoço com os sogros, se o inverso,  em casa deste ou daquele, quem faz e quem leva o quê. 
- Mamã, a Marisol nunca teve um Natal de ir a casa dos avós e dos tios.
- Pois é, os avós vivem noutro país, muito longe. Mas qualquer dia ela vai lá ou os avó vêm cá, vais ver.
- Sorte a da mãe dela, não tem de estar 40 dias a fazer comida.




7 comentários:

  1. ahahahaha!! coincidência!! vi esta notícia, lembrei-me de si, e o titulo do post é o mesmo, ainda que o conteúdo não tenha nada a ver...

    http://www.bbc.com/news/entertainment-arts-30143250

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. :D

      (vou fingir que é porque me acha tão divertida como eles e porque vejo sempre o bright side of life)

      Eliminar
  2. Tão querida! E não deixa de ter uma certa razão. É mesmo muito à frente!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Faltava ali um "tem", já emendei.

      (mas fico a pensar se é só isso que a minha filha retem da consoada, a comida)

      Eliminar
    2. Mirone, aposto que não. Daqui a uns anos vão conversar sobre os Natais da infância e de certeza que ela se vai lembrar de passarem a quadra juntos em casa de X, ficam sempre lembranças de um ou outro episódio. Se ela presencia as vossas conversas ou a azáfama da preparação da comida é normal que tenha feito o comentário, mas ficará muito mais do que isso!

      Eliminar
    3. Assim espero. Mas se só recoprdar a comida, também nãop serão más as memórias.

      Eliminar