Falam-se línguas (translate)

quarta-feira, 18 de março de 2015

Eis o motivo pelo qual sempre falei para a minha filha como se de um adulto se tratasse

Porque quando não o faço me saio com estas pérolas:
- Mãe, tenho fome.
- Queres um iogurtinho de beber?
- Mãe, eu tenho fome, não é sede.
- Mas um iogurtinho de beber é de comer, apesar de ser de beber.

Criança sofre...

5 comentários:

  1. :) Pois é, agora já não vale a pena tentar que seja de outra maneira. Está estimulada para falar, eu não diria como um adulto, mas normalmente. Pessoalmente, prefiro entabular conversa com miúdos assim :) Ainda me lembro da cara do meu filho, tinha se calhar uns cinco anos, quando a tia lhe disse que estava ali uma cegonha e contou a história dos bebés. Imperdível o ar do miúdo apressado a explicar à tia que alguém a tinha enganado, que não era nada daquilo, que era impossível, que os bebés, a barriga da mãe, o pai...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A minha também já sabe tudo sobre os bebés (a reacção: que nojo!!!!).

      Eliminar
  2. Há muito que me pareceu óbvio que em termos de argumentação, não tens grandes hipóteses. Mironinho rules :D

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. "É de comer apesar de ser de beber" está ao nível de "estar vivo é o contrário de estar morto", e é, muito provavelmente, a frase mais estúpida que proferi nos últimos dias.

      Eliminar